THOUSANDS OF FREE BLOGGER TEMPLATES

sábado, 4 de dezembro de 2010

Suicídio

Suicídio

20% das pessoas que sofrem de depressão recorrente acabam tirando suas próprias vidas. Se você já teve depressão grave, nós alertamos você a lembrar que a doença pode ser tratada e não deve conduzir sua vida para esse caminho.
O risco de cometer suicídio é de 15-20 vezes maior entre pessoas com depressão recorrente do que entre pessoas que não tenham depressão. Mas você pode fazer muita coisa para prevenir depressões recorrentes.
Metades de todos os suicídios são cometidos por pessoas que sofrem de doença mental, particularmente depressão, o que já é bastante. Lendo sobre depressão - por exemplo no Depnet – você se retira do grupo de risco porque obter informações sobre depressão aumenta suas chances de recuperação.

Gênero

Existem muito mais pessoas que tentam o suicídio do que pessoas que morrem disso.   Geralmente as mulheres tentam cometer suicídio de 2-3 vezes mais do que os homens. Mas os homens cometem suicídio de 2-3 vezes mais freqüentemente do que as mulheres.

Tentativas anteriores de suicídio

Pessoas que anteriormente já tentaram tirar suas próprias vidas têm um risco maior de cometer suicídio. Mas nunca é muito tarde para mandar a depressão embora e com isso os pensamentos suicidas.

Suicídio na Família

O risco de suicídio parece ser hereditário. O suicídio ocorre mais freqüentemente em algumas famílias. Resultados de estudos com gêmeos e adotados sugerem que não é apenas a tendência a desenvolver depressão que é hereditária mas também o real risco de cometer suicídio.

Abuso de álcool e medicamentos

Pessoas que sofrem de depressão e simultaneamente abusam do álcool e de medicamentos tem o risco aumentado de cometer suicídio. Mas o abuso de álcool e a depressão podem ser tratados.

Doença Física

Pessoas que sofrem de depressão e de doença física séria têm o risco aumentado de cometer suicídio. Mas o risco aumentado pode ser dramaticamente reduzido através da prevenção e do tratamento da depressão.

Falta de apoio social

Pessoas que são sozinhas, sem família, amigos e outro apoio social também parecem ter um risco aumentado de cometer suicídio. O mesmo se aplica às pessoas que estão desempregadas. No entanto é uma boa idéia tentar fazer contato com outras pessoas. Você pode, por exemplo, fazer parte de associações, academias de ginástica ou clube de esportes.

Fases iniciais da doença

O maior risco de tentativas de suicídio residem na fase inicial da doença. A maioria dos suicídios são cometidos durante um dos primeiros episódios depressivos. É importante que você seja examinado por um médico. Mesmo se você apenas tenha o pensamento de depressão.

Imediatamente depois de sua alta

Nas semanas logo após a alta da enfermaria psiquiátrica, o risco de cometer suicídio é particularmente grande. No entanto você deve ter certeza de estar bem próximo a sua família e amigos. Evite ficar sozinho. Use o DepNet por exemplo para contatar outros ou achar onde existe alguém para falar com você.

Quando você para de tomar seus medicamentos

Se você de repente parar de tomar antidepressivos ou medicamentos estabilizadores do humor (ex. lítio) o risco de desenvolver depressão novamente aumenta. O risco de suicídio é especialmente grande imediatamente depois que você para de tomar a medicação.

2 comentários:

Anónimo disse...

Esse post é tão catastrófico e atemorizador, mas tenho que colocar algumas posições a respeito.
Estou vivendo um drama que envolve ameaças de suicídio. Fui buscar ajuda especializada, pesquisei estatísticas, depoimentos, etc.
As pessoas depressivas que alardeiam a vontade de morrer, normalmente estão procurando por socorro. Há sim desvios, onde o ato é consumado. Uma estatística em São Paulo, mostra que as mulheres são as que mais pensam e que menos executam. Os homens são os maiores números representativos. A depressão realmente pode matar, mas até se consumar o fato, conforme especialistas, as vezes se vai uma vida muito longa. O idoso deprimido é muito mais factível de um ato extremo. Depressão por drogas, álcool, também são fatores enormes de suicídio. Enfim, hoje em São Paulo, morrem 2 pessoas por dia, vitimas do ato extremo. Uma coisa eu aprendi em consultas, etc... o suicida no último minuto normalmente se arrepende, pois o ser humano foi criado para viver e a sua própria natureza o remete a um esforço extremo em voltar atrás. Infelizmente, com a modernidade, há meios e mais meios de se matar, o que não dá ao suicida o retorno de sua decisão.

Amadeu Epifânio disse...

Olá, gostaria de oferecer estes dois textos sobre este tema, é de um projeto de auto ajuda (VIVA+), COM UM BLOG COM MAIS DE 200 ARTIGOS SOBRE DIVERSOS TRANSTORNOS. Espero que ajude. Abs.

http://deondeparei.blogspot.com.br/2015/02/ideacao-suicida.html

http://deondeparei.blogspot.com.br/2015/02/ideacao-suicida_23.html

Os que quiserem contatar-me, poderão fazê-lo pelo face, como ProfAmadeu Epifanio. Obrigado.

Mensagens populares

About Me

A minha fotografia
ANALUZ
Infinitamente sonhadora... O meu maior sonho: - encontrar o sentido da VIDA
Ver o meu perfil completo
Visitors
Locations of Site Visitors