THOUSANDS OF FREE BLOGGER TEMPLATES

domingo, 5 de dezembro de 2010

Fasciaterapia

Fasciaterapia 

 

 

É uma terapia manual que trata todos os tecidos do corpo por meio das fáscias, ou tecidos conjuntivos. O terapeuta faz uma leitura das informações do corpo e estimula a força interna. É uma terapia profunda que respeita o corpo e resolve muitos problemas e patologias. A fasciaterapia é uma terapia manual que reforça o poder de auto-regulação do organismo, e que se dirige igualmente à pessoa, englobando a sua totalidade física e psíquica. A fasciaterapia pode realizar um tratamento especial tratando de sofrimentos somáticos, assim como da relação da pessoa com seu corpo. A mão do terapeuta revela-se, então, como uma ferramenta que pode eliminar, em um ponto ou na profundidade, as dores que surgem nas diferentes partes do corpo. Mas a fasciaterapia atinge mais além: é um instrumento de relação de ajuda pelo toque. No diálogo silencioso do toque, o paciente se reencontra com o seu corpo. O corpo dolorido, distante, não percebido, torna-se um corpo sensível, comovente.
É como uma mão que é solicitada para aliviar as zonas em sofrimento, para que a pessoa reencontre seu corpo de uma maneira nova.
A Fasciaterapia trata com sucesso de:

• problemas musculares e articulares, tais como: reumatismos, ciáticas, lumbagos, artroses, torções, torcicolos, nevralgias...

• doenças funcionais, tais como: enxaquecas, sinusites, distúrbios digestivos e uro-ginecológicos...
A fasciaterapia é eficaz na prevenção ou no alivio em casos de:

• distúrbios respiratórios, tais como: asma, bronquites, enfisema...

• cansaços, tensões, estresse, mal-estar...

• patologias graves, tais como: câncer, esclerose em placas, insuficiência imunológica...

O interior dos corpos é animado por um movimento interno. Quando o movimento interno é perturbado, o cansaço se instala e o corpo se fragiliza. Mais tarde as tensões, dores, mal estar, bloqueios articulares e distúrbios aparecem, como por exemplo, pernas pesadas, queimações no estômago, estresse, depressões, etc. Esse movimento interno é percebido em tecidos fibrosos do corpo, chamados fáscias

Fáscia – As fáscias (daí o nome da Fasciaterapia) servem de junção entre as diferentes partes do corpo, envolvendo ossos, músculos, vísceras, artérias, cérebro, medula espinhal, etc., ligando todos esses elementos entre si.

Importância da fáscia – Por intermédio das fáscias, um problema local muitas vezes tem repercussões em outras regiões; por exemplo, uma tensão no pescoço pode originar uma dor no ombro, ou uma crispação na região do coração pode ocasionar dores nas costas ou distúrbios digestivos.

Sensibilidade do Corpo – Nosso corpo reage conosco aos acontecimentos. Quando de choques físicos, psicológicos ou emocionais, ele se protege desencadeando uma parada do movimento interno; os tecidos retraem, enrijecem e perturbam o equilíbrio geral do organismo.

O que a fasciaterapia pode fazer por você
– O fasciaterapeuta tem como recuperar essas imobilidades com suas mãos. O fasciaterapeuta faz com que o corpo se mobilize e a doença não se instale. A fasciaterapia é um conjunto de gestos manuais profundos, precisos, rigorosos, que tratam das tensões, dos bloqueios e de sofrimentos do corpo, possibilitando ao corpo achar novamente a sua organização interna a fim de obter o equilíbrio físico e psicológico da pessoa. Com grande precisão, o fasciaterapeuta reanima a vitalidade, libera os bloqueios, restaurando, ao mesmo tempo, a unidade do indivíduo.

 

Alguns exemplos de problemas que podem ser tratados pela fasciaterapia com sucesso e profundidade  
– Problemas musculares e articulares, tais como: reumatismo, dores ciáticas, bursite, lumbago, nevralgia, problemas de coluna, perda de vitalidade, cansaço crônico, problemas de sono, estados depressivos, estresse, ATM, patologia de envelhecimento, problemas de circulação.
Com o toque manual captam-se informações sensoriais profundas que estão inscritas nos tecidos do corpo e bloqueios no movimento equilibrado do organismo. Esta terapia liberta tensões acumuladas por stress, traumatismos ou outras causas. Ao activar a consciência e a percepção do movimento, despertam o indivíduo para uma relação sensível consigo e com os outros permitindo uma auto-renovação. Através da atenção o paciente é parte activa na sua recuperação/reorganização o que permite um prolongar da sua harmonia e vitalidade e o encontro com o seu potencial criativo.
A Fasciaterapia é uma terapia manual suave que atua através do movimento interno do corpo. Na presença de choques físicos ou emocionais, o corpo protege-se desencadeando uma parada ou diminuição do movimento interno.

Com grande precisão o fasciaterapeuta localiza e libera os bloqueios, as tensões, tratando os “sofrimentos silenciosos”, proporcionando assim um profundo bem estar.

As fáscias servem de junção entre as diferentes partes do corpo, envolvendo ossos, músculos, vísceras, artérias, cérebro, medula espinhal, etc., ligando todos esses elementos entre si.

A fasciaterapia é um conjunto de gestos manuais, profundos, precisos, vigorosos que tratam das tensões, dos bloqueios e dos sofrimentos do corpo, possibilitando ao corpo achar novamente a sua organização interna a fim de obter o equilíbrio real da pessoa.

Indicações: Dores ciáticas / Reumatismos / Bursite / Problemas de coluna / Perda de vitalidade / Cansaço crônico / Problemas de sono / Estados depressivos


Fontes: www.fasciaterapia.com.br/
                http://fasciaterapia.blogspot.com/

0 comentários:

Mensagens populares

About Me

A minha fotografia
ANALUZ
Infinitamente sonhadora... O meu maior sonho: - encontrar o sentido da VIDA
Ver o meu perfil completo
Visitors
Locations of Site Visitors